Passos para superar a inadaptação escolar do seu filho

Tempo de leitura: 3 minutos

A chegada a uma nova escola pode ser uma fase difícil para algumas crianças, principalmente se essa mudança ocorrer quando elas ainda são bem pequenas. No entanto, com alguns passos, é possível contornar essa situação e não sofrer com a inadaptação escolar do seu filho

Saiba mais na leitura deste texto!

 

Enfrentando o desconhecido

Ter um pouco de ansiedade diante de uma nova situação é normal, por não saber o que será encontrado no outro lado da zona de conforto. Chegar a um novo ambiente escolar gera incerteza diante de tanta novidade, seja por causa dos novos professores, dos colegas, da própria escola ou de sua rotina.

E quando são os filhos pequenos que têm de enfrentar essa situação, os pais ficam com o coração apertado pela separação com a criança que vivia integralmente sob a proteção deles.

Se a criança já tiver uma idade suficiente para compreender, os pais devem incentivar a ida à escola, desde cedo. É importante valorizar o conhecimento e dizer à criança que a escola é o lugar de aprender coisas novas que são importantes para a vida.

Para a criança se adaptar, aos poucos, com a escola, os pais também podem deixar os filhos durante um período menor de tempo, aumentando-o progressivamente durante a primeira semana.

 

Levar um objeto de estimação

Algumas crianças têm um objeto de estimação, uma boneca, um lençol, um carrinho ou outros. Caso a criança esteja chegando pela primeira vez no mundo escolar e apresentar resistência nos primeiros dias de aula, os pais podem deixar que ela leve à escola o seu objeto de estimação, ou seja, um objeto que a criança goste muito. Com o tempo e a convivência com os colegas, ela, progressivamente, abandonará o objeto.

 

Demonstrar confiança

É importante que os pais, por mais que sintam angústia em deixar o filho na escola, não demonstrem insegurança, pois, caso a criança perceba que os pais também não estão seguros, a situação pode ser agravada e a criança pode passar pela inadaptação escolar.

Uma recomendação válida é conversar com os filhos sobre as características da escola e reservar momentos para imaginar como serão os novos colegas e professor. Dizer para a criança que a ida à escola é importante para sua formação e que ela proporcionará novos amigos e aprendizados também podem diminuir a rejeição pelo local.

 

Levar a criança para conhecer o ambiente

Para a criança se familiarizar com o ambiente e não ser bastante impactada pelo primeiro dia de aula, os pais podem levá-la à escola, mesmo antes do início das aulas. Dessa forma, a criança já chegará sabendo como é a instituição, diminuindo as chances de inadaptação escolar.

 

Inadaptação dos adolescentes

No entanto, se o seu filho, tiver uma idade mais avançada ou já for um adolescente, a inadaptação pode ocorrer por várias semanas ou até meses, gerando o recolhimento do aluno e um mau desempenho escolar. Nesse caso, as conversas devem ter uma maior constância. Ter um momento à noite para conversar sobre o dia que passou pode ajudar na descoberta de casos de bullying, por exemplo.

 

Como você viu, com alguns passos, é possível transformar a percepção da criança sobre o seu novo ambiente. A inadaptação escolar pode acontecer, mas a união dos pais e da escola é primordial para a resolução desse problema.